website
Este site tem certas restrições de navegação. Recomendamos o uso de navegadores web como: Edge, Chrome, Safari ou Firefox.

Saiba as principais diferenças entre pedras naturais, sintéticas e gemas artificiais

Para tornar um look incrível, a escolha de joias é essencial. Mas e quanto ao seu material? Quais pedras escolher? Naturais, sintéticas ou os cristais artificiais? Leia o texto que preparamos e entenda um pouco mais sobre as peculiaridades de cada pedra

 

Principais diferenças entre pedras naturais, sintéticas e gemas artificiais

As joias podem ser mais discretas, servindo como um complemento, mas também podem roubar a atenção em qualquer look. Algumas por sua beleza, outras por suas cores exuberantes e outras por seu brilho ou design único.
Para escolher qual é a melhor opção para você, é importante conhecer um pouco sobre as diferenças entre as pedras naturais, sintéticas e gemas artificiais.

Pedras naturais

As pedras naturais, como o próprio nome já diz, são formadas pela natureza em um processo lento que pode durar milhares de anos. Por isso, elas trazem consigo alguns aspectos únicos da sua formação fazendo com que você tenha uma peça exclusiva. Vale ressaltar que essa pedra nasceu e foi desenvolvida sem nenhuma interferência humana. Aqui na Alke, ao invés de tentarmos retirar essas especificidades da pedra, gostamos de ressalta-las, como você pode ver em alguns produtos da nossa Coleção Terra:

Pulseiras Pedras Naturais

Pulseiras Coleção Terra

 

Colares Coleção Terra

Colares Coleção Terra

 

Brincos Coleção Terra

Brincos Coleção Terra

 

Para quem acredita na energia dos cristais, há uma conexão verdadeira e eles podem trazer diversos benefícios para quem usa.
O Brasil é um dos principais produtores de pedras naturais do mundo e encontramos no nosso solo uma diversidade riquíssima de opções como a Água Marinha, Esmeralda, Ametista, Quartzo Rosa e Turmalina Paraíba. 

Confira abaixo significados dessas pedras naturais:
 
Água Marinha: é uma pedra que inspira criatividade e lealdade.
 
Esmeralda: É uma pedra conhecida por trazer amor, esperança e prosperidade.

Brinco Prata Gota e Esmeralda

 
Ametista: Essa pedra tem um poder genuíno de instigar, transformar e transmutar energias negativas em positivas.
 
Quartzo Rosa: amor próprio, sensibilidade, autoconhecimento, aceitação, autoconfiança e o equilíbrio do corpo e da mente.
 
Turmalina Paraíba: 
Além da sua coloração turquesa maravilhosa, essa pedra é conhecida por ser uma excelente condutora de energias, capaz de nos proteger contra o que há de negativo.

Sempre que for usar a energia das pedras naturais em seus acessórios, além de pensar na combinação com o look e na beleza dessas maravilhas, leve em consideração o tipo de energia que deseja receber.

Mulher Intuição

 Lembre-se: você é uma alma livre, por isso, deixe a sua intuição decidir, afinal, quando falamos em energias é preciso ouvir o coração.

 

Mas e as Pedras Preciosas? Bom, alguns aspectos influenciam para que uma gema seja considerada preciosa pelo mercado, sendo eles; dureza, beleza, mas principalmente, sua oferta | raridade. Vale lembrar que muitos cristais que já foram caríssimos em outras épocas, hoje podem ter um valor muito mais em conta pelo simples fato de novas jazidas terem sido encontradas. No final das contas é uma questão de oferta e demanda.

 

Pedras sintéticas

Já as pedras sintéticas são como clones das pedras naturais, porém elas não são retiradas da natureza. Elas utilizam gemas naturais como base e passam por processos em laboratórios para obterem o seu resultado final.

Um formato muito conhecido de pedras sintéticas são as pedras fusion:

O nome fusion vem exatamente do processo de fusão feito em laboratório para unir zircônias com fragmentos das pedras verdadeiras. Ou seja, elas se tratam sim de gemas sintéticas porém ficam super naturais. Com as ranhuras internas na pedra que são feitas propositalmente, acaba que essas peças também são únicas, pois não há um padrão exato nessa formação artificial.

Colar Prata Gota e Turmalina Paraíba

Colar Prata Gota e Turmalina Paraíba

 

Gemas artificiais

As gemas artificiais mais comuns são as zircônias cúbicas e os cristais espelhados. São pedras que não existem correspondente em estado natural na natureza, portanto é um cristal totalmente "inventado" em laboratório. No caso da zircônia, por exemplo, é uma cópia quase que perfeita de um diamante, que se bem feita só é possível notar a diferença em aparelhos profissionais.

Em resumo, as principais diferenças são: local de formação da pedra, brilho, durabilidade, brilho, tempo de formação e, claro, raridade. Afinal, o que vem da natureza demora mais tempo para se formar e, por isso, pedras naturais são consideradas mais raras.

Agora, que você já sabe identificar as principais diferenças entre pedra natural, pedra sintética e gemas artificiais que tal escolher a sua joia favorita? 

Veja outros textos interessantes do nosso Blog

Até a próxima!

Deixe um comentário

Por favor esteja ciente que comentários devem ser aprovados antes de serem publicados

Carrinho de compras

Parabéns! Seu pedido é qualificado para o transporte livre Gaste ||R$395|| para frete grátis
Não há mais produtos disponíveis para compra